Foto: FPF

Já vou começar o texto respondendo a pergunta do título: praticamente tudo está em jogo! Ainda não temos nenhum classificado, embora o São Joseense esteja muito perto da vaga. Também não temos nenhum rebaixado, mas o Araucária está bem próximo de cair. De resto, tudo muito em aberto na Segundona. Vamos entender os “blocos” da segundona:

Briga pela classificação

Se for considerar todos que tem chance ainda de garantir classificação, somente o Araucária estaria de fora. Mas sendo realista, vamos considerar aqui um bloco com sete times, e deixar de fora Nacional e Verê. Ou seja, São Joseense, PSTC, Apucarana Sports, Iguaçu, Andraus, União e Prudentópolis são os aspirantes a vaga na semifinal, faltando duas rodadas para o término da primeira fase.

São Joseense: O time de São José dos Pinhais só depende de si, uma vitória nesses dois jogos restantes praticamente garante a vaga na semifinal. Já manter a liderança é uma missão mais delicada. Já nesta rodada, confronto direto com o PSTC no Estádio do Pinhão, o vice-líder da competição que está apenas um ponto atrás. Já na última rodada, o São Joseense vai até União da Vitória, onde enfrenta o Iguaçu que ainda briga pela vaga na próxima fase.

PSTC: O PSTC é outro time que tem a vaga na mão, mas não pode vacilar. No momento são dois pontos de diferença para o 1º time fora do G4. Os confrontos pela frente são difíceis, enfrenta o líder São Joseense, em confronto direto valendo a liderança da competição, e depois recebe em casa o Prudentópolis, que ainda sonha com a vaga na próxima fase.

Apucarana Sports: Com 11 pontos, o Apucarana é o atual 3º colocado da Segundona. Na última rodada, goleada por 7 a 0 pra cima do Araucária e um pouco de tranquilidade, mas antes disso, o time passava por uma situação delicada. O dragão depende apenas de si nessas últimas duas rodadas para se classificar, mas tem confrontos complicados. Recebe em casa o concorrente direto Iguaçu, e depois vai até o sudoeste onde enfrenta o Verê, que luta para fugir do rebaixamento.

Iguaçu: Dos quatro primeiros, o Iguaçu talvez seja quem tem a sequência mais ingrata nas últimas duas rodadas. Ainda assim, o time só depende de si para se classificar, mesmo estando empatado em pontos com Andraus e União. Os dois confrontos finais da primeira fase são contra o Apucarana Sports fora de casa, e contra o São Joseense em casa, dois times que estão a frente do Iguaçu na tabela de classificação. Duelos complicados para tentar manter a vaga na semifinal.

Andraus: Empatado em pontos com o Iguaçu, o Andraus faz suas últimas duas partidas na Segundona fora de casa. Os adversários são concorrentes diretos pela vaga na semifinal, e estão logo atrás na classificação, o União e o Prudentópolis. Por não enfrentar nenhum adversário que está acima da tabela, o Andraus não depende só de si. Mas fazendo uma estimativa, se conquistar 4 pontos nesses últimos jogos, garante com certa tranquilidade a vaga.

União: Sem vencer há três jogos, o União passa pela mesma situação do Andraus, não depende só de si para se classificar, mas conquistando quatro pontos nos últimos jogos deve garantir uma vaga entre os classificados. Os confrontos não são tão difíceis, mas pela fase que passa o União… Enfrenta o Nacional em Rolândia e depois recebe o Andraus em casa. Dá pra fazer seis pontos e se classificar sem sustos, mas o União insiste em tirar seu torcedor do sério, não sabemos o que pode vir pela frente.

Prudentópolis: O Prude vai ser o único time que vai entrar nos dois blocos hehehe. Com 9 pontos, o time do centro sul do estado é quem tem situação mais difícil para se classificar, mas as chances ainda são boas. Em primeiro lugar, terá de torcer contra os 6 times da frente, o que já é uma tarefa ingrata. Depois, vencer seus dois jogos restantes, o que daria a maior chance possível de conquistar a vaga na situação do Prudentópolis. Os adversários nas últimas rodadas são complicados, recebe o Andraus no Newton Agibert e depois vai até Cornélio Procópio enfrentar o PSTC.

Briga contra o rebaixamento

Colocamos neste bloco, quatro times que ainda flertam forte com a zona de rebaixamento, ainda que do PSTC pra baixo na classificação, todos possam cair. Aqui entram o Prudentópolis, o Nacional, o Verê e o virtual rebaixado Araucária.

Prudentópolis: Olha o Prude aqui de novo. Dos times do bloco de cima, é o mais ameaçado pelo rebaixamento, no entanto a situação é de certa forma tranquila, e pode ser resolvida já amanhã. Se vencer o Andraus, praticamente anula todas as chances de queda. Para ser rebaixado, precisa acontecer uma tragédia: perder ambos os jogos e ver Verê e Nacional conquistarem três pontos. E é aí que o Prude se complica devido as goleadas sofridas, uma vez que é o 2º time com pior saldo da competição no momento, quatro negativo. São 16 gols sofridos até o momento, a 2ª pior defesa da competição.

Nacional: 8º colocado até o momento na competição, o Nacional também só depende de si para se salvar do rebaixamento. Basta pontuar igual o Verê nas duas últimas rodadas e se manter com um saldo ou número de gols marcados, igual ou melhor que o do time do sudoeste. Isso porque o Nacional tem vantagem no confronto direto, quando venceu o Verê por 2 a 0. A e lógico, torcer para que o Araucária não realize um milagre, o que é bem difícil. Nas últimas rodadas o NAC enfrenta o União e o próprio Araucária, então tem a possibilidade de eliminar essa segunda chance de queda com as próprias mãos.

Verê: A situação do Verê é praticamente idêntica a do Nacional. Como está empatado em pontos com o NAC, precisa pelo menos pontuar igual ao time de Rolândia nas duas últimas rodadas, e se sobressair em algum dos critérios de desempate antes de chegar o confronto direto, ou seja, melhor saldo ou maior número de gols marcados. Há também o risco do milagre de Araucária, mas também assim como o Nacional, tem a chance de cortar o mal pela raiz já na próxima rodada, quando enfrenta o Cacique em Araucária. Na última rodada, o Verê recebe o forte Apucarana Sports em casa, e tem que pontuar nesse duelo, caso queira se manter na Segundona de forma tranquila.

Araucária: Eis o time que precisa de um milagre. O Araucária tem apenas dois pontos na Segundona e um saldo de 14 gols negativo. Então para se salvar, precisa vencer suas duas últimas partidas, indo a oito pontos, e torcer para que Nacional e Verê façam apenas 1 ponto nas rodadas finais. Isso porque o Araucária enfrenta nas duas últimas rodadas, seus dois adversários diretos, e os dois jogos são dentro de casa. Ou seja, precisa fazer os 6 pontos que estão em disputa, chegando em 8 pontos, além torcer para que Nacional e Verê cheguem no máximo aos 7 pontos ganhos. Tarefa difícil, quase impossível, mas como diz O Rappa “pra quem tem fé, a vida nunca tem fim”.

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.